Biblioteca TCA


34 (GON) n.º 40
Monografia
4943


GONÇALVES, João Luís
Imprevistos Judiciais / João Luís Gonçalves.- Lavra : Letras e Coisas - Livros, Arte e Design, 2024.- 101, [4] p. ; 23 cm
ISBN 978-989-53894-9-0 (Broch.) : Oferta


DIVERSOS

INTRODUÇÃO. I. JULGAMENTOS E DESPACHOS JUDICIAIS. 1. Afinal, quantos são os arguidos? 2. O furto do palheiro e da palha. 3. O furto da palha e do palheiro. 4. Justiça à força ou a força da justiça. 5. Falta de memória do ofendido. 6. Multa em prestações? 7. Citação impossível. 8. Sentenças impercetíveis. 9. Falta de funcionários. II. INQUÉRITOS. 10. Moedas falsificadas. 11. Conta do dentista. 12. Queixa apressada. 13. Quem aponta o dedo a alguém. 14. Justiça rápida de mais. 15. Ofendido e arguido. 16. Queixa infundada. 17. Internamento inviável. 18. Queixa contra o pároco. 19. Diploma de engenheiro. 20. Mania da perseguição. 21. Deficiente mental. 22. Outro caso de doente. 23. O poeta da lua nova. 24. Azar de aprendiz de ladrão. 25. Vendedor azarento. 26. Identidade falsa (I). 27. Identidade falsa (II). 28. Apreensões originais. 29. Características do cavalo. 30. Relatividade da importância. III. CASOS DE TIMOR-LESTE. 31. A cara do Diabo. 32. O avô do mundo. 33. Traduz para “bulak”. 34. Afinal que língua compreende? 35. Resposta em duplicado. 36. Bom dia, até logo! 37. O makassai do António. 38. Baiquenos. 39. Preso por engano. 40. Medidas imprecisas. 41. A orelha e a língua. 42. Respeito pelos mortos. 43. Coleta para funeral. 44. O “processo anómalo”. 45. Receio da pena de morte. 46. Para casa não. 47. Dormida na esquadra. 48. Apoios a presos e vítimas. 49. Indonésia e Direito português. 50. Furtos na fronteira. 51. Os “bons ” milícias. 52. Confissão sincera. 53. Os milícias vítimas. 54. Receio dos outros. 55. Milícias contra milícias. 56. Igrejas e casa lulik. 57. Recurso na justiça tradicional. 58. Justiça badame. 59. E a justiça das vítimas? 60. Tortura psicológica. 61. Acordo de julgamento (entre defesa e acusação)? 62. Conceito de família. 63. Quem manda em casa (nem sempre é o marido ou a mulher). 64. O barlaque. 65. Relatividade da lei. 66. O milícia e o juiz. 67. Tribunal sem água nem eletricidade. 68. Tribunal como curral. 69. Deslocações difíceis. 70. O caso do morto no tribunal. IV. TRIBUNAL DE FAMÍLIA E MENORES. 71. Ah, ele está aí? 72. Parece mentira, mas não é. 73. Caso de julgamento. 74. Milagre. 7 5. Divisão de vidas. 76. Roupa do pai e roupa da mãe. 77. Vai como veio. 78. Escolhas difíceis. 79. Relações familiares complexas. 80. Saber cuidar. 81. Paternidade e maternidade omissas. 82. Pensão da cadela. 83. Destino da criança. 84. Sova de palavras. 85. Conduta exemplar. 86. Teatro? 87. Diferentes versões (I). 88. Diferentes versões (II). 89. Acordo por conveniência. 90. Acordo preventivo. 91. O direito e a realidade. V. TRIBUNAL DO TRABALHO. 92. Erros fatais. 93. Meias verdades. 94. Sentenças ilegíveis. 95. Quem é a entidade patronal? 96. Pensão e multa. 97. O que tem a ver a família? 98. Processos infelizes. 99. Queixa insistente. 100. Adiamentos. VI. CURIOSIDADES NAS ORDENAÇÕES. 101. Juramento de calúnia. 102. Os que dão música de noite. 103. Imunidade das igrejas. 104. Vadiagem proibida. 105. Mexeriqueiros. VII. CURIOSIDADES DO CÓDIGO ADMINISTRATIVO DE 1886. 106. Ordem nas finanças públicas. 107. Imposto sobre veículos. 108. Quae sunt Caesaris, Caesari. VIII. OUTRAS CURIOSIDADES. 109. Um dito de Vila da Rua. 110. Tribunal com telhas penhoradas. 111. Morte fora de tempo. 112. Prisão Miklus. 113. Fantasma da (in)Justiça. 114. Outros casos de fantasmas. 115. Seja o que Deus quiser e a Justiça deixar. 116. Diferentes funções. 117. Curiosa sugestão. 118. Afinal, somos muito parecidos! 119. Cadáver teimoso e desobediente. 120. Morto-vivo. 121. Nomes fora do comum.